Feliz Ano Novo

steins

Buenas amigos leitores e amigas leitoras.

Chegou ao final o ano e eu não poderia deixar passar sem lhes desejar felicidades.

2015 foi um ano bom para mim em vários pontos, principalmente na minha coleção que saltou de 360 para mais de 700 nesses doze meses. Não tenho o número exato aqui, mas foram aproximadamente 50 séries novas, entre volumes únicos, novels e mangás.

Em maio dei meu maior passo e decidi voltar a publicar no Itadakimasu, praticamente do zero, e para minha surpresa a receptividade de vocês foi muito boa. E eu agradeço demais por isso. Já foram mais de 150 posts e 1000 comentários ao longo desses 7 meses de publicação. Até mesmo um bolão está rolando.

Falando no Bolão, sei que estou devendo a recente parcial mais atualizada para vocês, porém eu entrei de férias (como já tinha comentado para vocês) e idiotamente esqueci o arquivo em excel que controlava a pontuação. Então me desculpem, mas apenas semana que vem vou conseguir fazer o post com as pontuações atuais,

Mas nem tudo são noticias ruins, e agora eu posso confirmar que teremos mangás até o terceiro lugar. Além dos volumes 1 e 2 de Berserk para o vencedor, também teremos o volume 1 de 20th Century Boys para o segundo colocado, e mais um mangá que ainda não decidi para o terceiro colocado.

2016 vem ai, e coisas novas vão rolar no blog. Teremos resenhas de mais material literário e não apenas de novels. Claro, mangás sempre serão a prioridade, mas teremos outras opções, como livros e HQ’s americanas e brasileiras. Semana que vem já teremos a primeira. 😀

Eu tenho outros planos, que se der tudo certo vão entrar no ar em breve.

O próximo ano promete pessoal, tanto aqui no blog como para o mercado de mangás, teremos Akira, Kenshin, One Punch-Man, LoveCom, Vagabond e muitas outras coisas boas chegando nas lojas e bancas.

2015 foi bom e 2016 tem tudo para ser melhor.

Então boas festas e um excelente ano novo para todos vocês. Que venham muitos mangás, livros e o que for.

Forte abraço.

HxH > YuYu

Anúncios

11 comentários

  1. Feliz Ano Novo pra vc e todos os que frequentam esse blog!!!!
    2016 promete não só nos mangás, mas tbm nos animes! Berserk, D.Gray-man, Shokugeki no Souma, Ushio to Tora, Nanatsu, Full Metal Panic!, Drifters, Magi: Sinbad, Durarara!!, Arslan Senki, JoJo: Diamond is Unbreakable, Steins;Gate 0… Enfim, muita coisa boa.
    Pensamento pra 2016: Yu Yu Hakusho > Hunter x Hunter, sem choro

    • Acho que novels que comecem do zero e sejam mídias originais como No Game No Life, No.6 e Log Horizon dá para ler de boas. Eu recomendaria Fate/Zero, mas o recomendado é que se tenha jogado Fate/Stay Night antes para evitar possíveis spoilers. Então, se for para conseguir entender todas as referências sem problemas, essas três do início são as mais adequadas. Eu acho que a melhor dentre elas é Log Horizon, que é super bem explicado, tem um excelente sistema de RPG e um foco em economia do nível de Spice and Wolf. NGNL é bem mais descontraído, mas tem excelentes momentos de comédia e uma parte estratégica até que bem criativa. O ponto negativo da obra é o ecchi excessivo e as “otaquices” exageradas que ela tem. No. 6 só li o primeiro volume (sai preguiça, quero ler o 2 logo), mas ele é bem mais sério que essas duas obras e mais “pé no chão”, digamos. É um futuro utópico em que nem tudo aquilo é o que parece e pessoas da resistência precisam lutar pela sua liberdade enquanto o governo esconde uma verdade terrível pelos panos, é algo mais “seinen” de certa forma, em que o foco são as personagens e os conflitos internos que eles têm com o mundo externo e consigo mesmos. Como disse, ainda não li o volume 2, mas a proposta inicial é essa e é bem promissor. Se você não ligar muito para sequências, como Stay Night se passa após o Zero, dá para compreender a história dele sem precisar jogar o jogo. Mas como disse: tem spoilers e pode quebrar um pouco a experiência do Night caso você decida vir a jogá-lo. A história do Zero é uma mistura de fantasia com um aspecto mais sombrio, contendo diversas cenas pesadas e extremamente dramáticas, como é de praxe do gênio Gen Urobuchi (que trabalhou em Madoka, Psycho-Pass, entre outras franquias bem tensas), e é muito expositiva, com bastante informação e muita coisa a ser processada. O foco em ação acontece aqui e ali, e é sempre bem tenso por causa do que aprendemos através dos momentos de exposição. E a história é simplesmente incrível. Tudo se encaixa do início ao fim e faz o mais perfeito sentido principalmente quando você já tem o Stay Night na cabeça. É um complemento fenomenal e uma história solo boa por si só, mas que é melhor apreciada como um extra mesmo. Bem, é isso. Tem aquele Morte que anunciaram, ele também não é volume único. Mas eu precisaria comprar e ler para avaliar, já que nem tem essa novel no Baka-Tsuki.

  2. Feliz ano novo, Haag! Vi em outro post que você tinha assistido os dois primeiros filmes de 20th Century Boys, e você aprovou! Eu ainda não li o mangá, você recomenda ver os filmes primeiro e só depois ler o mangá? O filme foi uma boa adaptação? Teria como me passar o link onde você baixou? Abs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s